premio fritz pat capa

O Instituto do Meio Ambiente do Estado de Santa Catarina (IMA) compartilha os detalhes de cada projeto vencedor do 22º Prêmio Fritz Müller. A premiação que visa reconhecer e premiar as empresas e organizações que desenvolvem projetos em prol do meio ambiente no Estado destaca abaixo a lista dos premiados desta edição com informações complementares de cada case vencedor. Confira:

Categoria: Agricultura Sustentável
Epagri
Projeto: Sistema de Produção Integrada de Tomate Tutorado (SISPIT)

Sistema desenvolvido com o objetivo de agregar a produção de tomates as boas práticas agrícolas permitindo a Certificação de Alimento Seguro. Para isso é necessária a rastreabilidade de sua cadeia produtiva.

O SISPIT já está sendo acompanhado pelo Ministério da Agricultura de modo a replicação da experiência da EPAGRI de Caçador.

Essa experiência permite uma nova etapa para a produção do tomate, assegurando qualidade ao produto com produtividade a cultura e rentabilidade ao mesmo tempo que gera maior segurança sanitária aos produtores e consumidores, além de maior proteção ao meio ambiente.

Conservação de Insumos de Produção (Água)
Westrock
Projeto: O Poder do Manejo de Florestas Plantadas: Conservação de recursos hídricos e preservação de nascentes nas florestas WestRock

Monitoramento dos recursos hídricos e preservação de nascentes nos 54 mil hectares de florestas plantadas pela empresa permite um manejo florestal compatível com a disponibilidade de água no solo e nos rios e riachos próximos de modo a proteger ou recuperar esses recursos naturais evitando processos de erosão do solo e desertificação.

Conservação de Insumos de Produção (Energia)
General Motors
Projeto: Iniciativas Sustentáveis de Energia - Fábrica GM Joinville

A fábrica quando construída foi certificada pelo LEED (Leadership in Energy and Environmental Design). Mesmo assim uma série de iniciativas continuam sendo desenvolvidas para que a unidade prossiga na condição de mais sustentável planta da GM no planeta.

Foram adotadas medidas de gerenciamento e racionalização do consumo de energia como a implantação de domus e telhas translúcidas para garantir o aproveitamento da iluminação natural, instalação de lâmpadas LED, sistema de desligamento total - conhecido como a prática de SHUTDOWN, gerenciamento de compressores e a implantação de placas fotovoltaicas, tanto para aquecimento de água como para a GERAÇÃO DE ENERGIA.

Conservação de Recursos Naturais e da Vida Silvestre

Klabin
Projeto: Monitoramento da Vida Silvestre em Áreas de Alto Valor para a Conservação –AAVCs

O programa fornece informações essenciais para o processo de tomada de decisão dentro do contexto do manejo florestal sustentável e assegura a eficácia da preservação das áreas de preservação permanente e reservas legais verificando o estabelecimento efetivo dos corredores ecológicos de fauna e assegurando o compromisso com a conservação da BIODIVERSIDADE.

Educação Ambiental

Klabin
Projeto: 20 anos de Programa Klabin Caiubi de Educação Ambiental

O Programa tem por objetivo sensibilizar educadores com assuntos relacionados ao meio ambiente, desenvolvendo a consciência ecológica e transformando esses profissionais agentes multiplicadores do conhecimento junto a alunos e comunidades.

Ao longo dos 20 anos o Programa CAIUBI vêm marcando presença considerável em todo o planalto sul catarinense.

Gestão Ambiental
Florestal Gateados
Projeto: Um sistema de gestão a favor do Meio Ambiente

O Sistema de Gestão Ambiental (SGA) da FLORESTAL GATEADOS está alinhado aos princípios e critérios da Certificação do FOREST STEWARDSHIP COUNCIL - FSC.

Além do monitoramento dos recursos naturais e da preservação da biodiversidade a empresa mantém uma Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) com mais de 6.000 hectares.

Gestão Socioambiental
BMW do Brasil
Projeto: Um destino nobre para excedentes de produção

Dentro do programa de reaproveitamento e reciclagem de resíduos a empresa detectou a possibilidade de dar uma destinação diferenciada a alguns resíduos da produção gerando um impacto positivo tanto ao meio ambiente quanto a sociedade.

Descobriu-se que resíduos de cintos de segurança, peças de couro, bolsas para chicotes elétricos, painéis de teto e outros itens poderiam ter o mesmo destino.

A empresa construiu uma parceria com costureiras da região que passaram a desenvolver e a produzir produtos para a comercialização nas próprias lojas de marca junto as revendas da BMW, aproveitando basicamente estes resíduos da produção.

Projetos de Pesquisa
Embrapa Suínos e Aves

Projeto: SGAS - Software de Gestão Ambiental da Suinocultura

O sistema SGAS permite apoiar produtores e técnicos na gestão ambiental das granjas de suínos, estabelecendo as boas práticas agrícolas e ambientais e verificando a conformidade com a legislação ambiental.

Presta também um suporte aos órgãos ambientais fornecendo subsídio na análise e acompanhamento dos processos de licenciamento ambiental.

O IMA foi a primeira agência estadual do Brasil a incorporar o SGAS no licenciamento ambiental.

Reciclagem
BMW do Brasil
Projeto: Ciclo Fechado para o Selante de PVC

O selante de PVC é utilizado no processo de pintura, protegendo os veículos contra a corrosão.

Depois das chapas metálicas o PVC é o segundo material mais consumido para produzir a carroceria de um veículo. Neste contexto, a cada ano, toneladas de resíduo selante de PVC são gerados, sendo de difícil transformação e reciclagem são comumente enviados para aterros industriais ou coprocessamento.

Após muita pesquisa o BMW GROUP BRAZIL finalmente encontrou aplicações para o material em outras frentes de produção.

O conceito já está em fase de execução no Brasil e estará sendo replicado pelo grupo a nível mundial e consiste no reaproveitamento na produção de capachos utilizados nos próprios veículos produzidos.

Recuperação de Áreas Degradadas

Apremavi
Projeto: Projeto Restaura Alto Vale

O projeto tem como objetivo restaurar áreas degradadas, a conservação de mananciais hídricos, adequação de propriedades rurais a legislação ambiental e a proteção da biodiversidade no Alto Vale do Itajaí e Planalto Norte catarinense.

Foram produzidas e plantadas 300.000 mudas de espécies nativas da floresta atlântica e atingidas mais de 600 propriedades rurais.

Resíduos Sólidos
Schulz Compressores
Projeto: Aterro Zero

Através da melhoria constante dos seus produtos com base na Análise do Ciclo de Vida (ACV) e da aplicação de princípios de economia circular a empresa vem reduzindo a geração de resíduos e ampliando os processos de reaproveitamento e reciclagem.

Esse conhecimento dos resíduos e de sua destinação adequada permitiu a empresa implantar um processo de LOGÍSTICA REVERSA.

O que significa que após a vida útil dos produtos adquiridos da SCHULZ o cliente pode devolver a qualquer ponto de venda ou manutenção da empresa para a destinação adequada.


Tratamento de Efluentes
Itapoá Terminais Portuários
Projeto: Gestão de água não potável - inovação e tecnologia no tratamento de efluentes

De modo a otimizar os processos operacionais de sua ETE e como resultado do constante monitoramento e considerando as dificuldades operacionais do processo que vinha utilizando a empresa implantou um processo de ultra filtração por membranas sequencialmente aos reatores biológicos com a utilização de tecnologia ainda pouco empregada no Brasil.

Turismo Ecológico e Sustentável
Prefeitura de Camboriú
Projeto: Roteiro de Ecoturismo Camboriú

Através da valorização do modo de vida no campo e do contato com a natureza, as famílias abrem suas casas para o convívio do dia-a-dia. O objetivo é compartilhar o saber fazer, histórias, cultura, paisagens e natureza.

O projeto já envolveu a capacitação para a recepção e a geração de logística adequada para 10 famílias da zona rural do município.

Prêmio Raulino Reitz de Conservação da Natureza

A premiação também reverencia uma personalidade que seja destaque na atuação ambiental em Santa Catarina. O nome do prêmio é uma homenagem ao cientista Raulino Reitz, fundador da extinta FATMA e uma referência na preservação da natureza catarinense. A personalidade escolhida para receber o Prêmio Raulino Reitz de Conservação da Natureza nesta edição foi o professor Arlindo Philippi Júnior, titular da faculdade de saúde pública da USP.

Premiação

A solenidade de entrega da premiação está prevista para o dia 03 de dezembro, na sede da Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (FIESC). Vale destacar, que devido à pandemia, o evento de premiação cumprirá rigorosamente as regras sanitárias respeitando o distanciamento social com capacidade de número de pessoas limitada, uso obrigatório de máscara, e também ocorrerá em formato híbrido com transmissão online para os convidados.

Sobre o Prêmio Fritz Müller

Concedido pelo Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA), o Prêmio Fritz Müller é o principal reconhecimento ambiental do estado de Santa Catarina. O nome do Prêmio é uma homenagem ao famoso naturalista alemão Johann Friedrich Theodor Müller, que viveu em Santa Catarina por 45 anos. Considerado um revolucionário, estudioso do meio ambiente e precursor da ecologia, Fritz Müller foi aclamado como príncipe dos observadores da natureza.

O Prêmio Fritz Müller é destinado a projetos e iniciativas que vão além da legislação ambiental e que resultam em benefícios para o desenvolvimento sustentável. Podem participar empresas públicas e privadas, instituições, órgãos governamentais, cooperativas, ONGs, institutos e organizações que atuam em Santa Catarina, com projetos desenvolvidos no estado.

A 22ª edição do Prêmio Fritz Müller é realizada pelo Governo do Estado de Santa Catarina por meio do IMA,  conta com o apoio da FIESC e patrocínio da Engie, Klabin, Berneck e EDP Transmissão Aliança SC.